Triumph Bonneville Speedmaster: um novo ícone clássico britânico


O caso da Triumph é um dos mais impressionantes da história da indústria das motos. A marca era uma das mais importantes do planeta na primeira metade do Século 20 e, enquanto rivais como Norton e BSA fecharam as portas (a primeira tenta sobreviver como fabricante de superesportivas), voltou à vida no fim da década de 1980 graças à iniciativa do empresário John Bloor, disposto a trabalhar muito para desenvolver produtos de qualidade, apostando em soluções diferentes das usadas pelas concorrentes, como os motores de três cilindros em linha. E, ao mesmo tempo, lançando produtos inéditos e outros que trazem inspiração da “primeira vida” da fabricante de Hinckley.

A Bonneville Speedmaster 2018 faz parte do segundo time e é mais uma variação do modelo que se tornou ícone das Café Racer – as motos sem carenagem usadas pelos britânicos para acelerar em torno dos cafés e fazer pequenas corridas enquanto uma música tocava na Jukebox do bar, algo totalmente impensável nos dias de hoje. Neste caso, no entanto, apesar da velocidade no sobrenome, a inspiração é menos esportiva e mais clássica.

A versão Speedmaster da Bonnie (apelido carinhoso da máquina) mantém a proposta que tem garantido ótimas vendas e sucesso cada vez maior na concorrência com as japonesas, italianas e norte-americanas: visual “das antigas”, embalado com tecnologia de ponta – caso do painel com display digital, do acelerador eletrônico (ride by wire); das suspensões Kayaba, do controle de tração e dos dois modos de pilotagem, road e rain.

Para dar um ar relaxadão e confortável a quem está mais preocupado em apreciar a paisagem do que torcer o cabo, a balança traseira é multitubular em aço, com o amortecedor escondido sob o confortável assento (no estilo das Harley Hardtail, ou rabo duro). O motor é o conhecido bicilíndrico em linha de 1.200cc e oito válvulas, que joga na roda traseira 77cv. Como a marca tem investido pesado no mercado brasileiro, onde ganha cada vez mais adeptos e clientes, é questão de tempo para a Speedmaster 2018 aparecer também por aqui…

 

Fonte: Seminovos BH

Enviar Comentário

Deixe uma resposta