Reabertura do Museu Roberto Eduardo Lee em Caçapava


A Prefeitura de Caçapava, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Esportes e Lazer, reabriu a visitação pública o acervo Roberto Lee, composto por veículos e objetos pertencentes ao Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas, no  dia 24 de novembro, no Centro Cultural.

Presidente da FBVA, Roberto Suga com (esq.) o Prefeito Municipal de Caçapava, Fernando Diniz e o Secretário Municipal de Cultura, Fabrizio Correia.
Presidente da FBVA, Roberto Suga com (esq.) o Prefeito Municipal de Caçapava, Fernando Diniz e o Secretário Municipal de Cultura, Fabrizio Correia.

A abertura oficial da exposição “Roberto Eduardo Lee e suas memórias” aconteceu na sexta-feira (24), às 19h, e no sábado (25) ocorreu o “Reencontro com Roberto Lee”, das 9h às 19h, com encontro de carros antigos, a entrada foi gratuita.

(Esq. para dir.) Diretor Regional da FBVA no Vale do Paraíba, Luiz Gustavo Monteiro Cabett; Secretário Municipal Fabrizio Correia com a homenagem da FBVA em mãos; Mariângela Matarazzo Lee; Prefeito Municipal de Caçapava, Fernando Diniz e o Presidente da FBVA, Roberto Suga.
(Esq. para dir.) Diretor Regional da FBVA no Vale do Paraíba, Luiz Gustavo Monteiro Cabett; Secretário Municipal Fabrizio Correia com a homenagem da FBVA em mãos; Mariângela Matarazzo Lee; Prefeito Municipal de Caçapava, Fernando Diniz e o Presidente da FBVA, Roberto Suga.

A Secretaria de Cultura, Esportes e Lazer preparou uma grande programação para receber a população. Na sexta, uma apresentação, a partir das 20h, com um dos grandes nomes do blues contemporâneo nos Estados Unidos, a cantora Andrea Dawson, em sua primeira apresentação no Brasil, convidada pelo músico Danilo Simi.

Na ocasião também serão homenageados o presidente da Federação Brasileira de Veículos Antigos, Roberto Suga, o artista plástico Ramis Melquizo, design do carro Democrata, Andrea Matarazzo, secretário de cultura do estado nos governos Alckmin-Goldman, responsável pela doação do acervo e tombamento da E.E Ruy Barbosa.

Antigomobilista e idealizador do museu MOVA em MG, Jefferson Rios recebeu o Mérito Cultural de Caçapava.
Antigomobilista e idealizador do museu MOVA em MG, Jefferson Rios recebeu o Mérito Cultural de Caçapava.

No sábado o evento começa pela manhã, às 9h, com encontro de carros antigos e praça de alimentação com food trucks, o encontro também terá a apresentação de stand-up com a humorista Mila Ribeiro e apresentação musical do cover oficial da banda Queen no Brasil Classical Queen. Participe, chame os amigos e tragá seu veículo antigo.

A exposição “Roberto Eduardo Lee e suas memórias” é organizada pela Prefeitura de Caçapava, por meio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. O prefeito Fernando Cid Diniz Borges determinou a secretaria que catalogasse todo o acervo e empreendesse esforços para reabertura a visitação pública encerrada em 2015. “Nosso objetivo é consolidar o município como Capital Nacional do Antigomobilismo trazendo a memória do Museu como forma de estimular nossos próximos passos. Revitalizamos o espaço e vamos apresentar a população ícones da indústria automobilística de várias épocas. Vamos valorizar e promover a cultura, nossa cidade merece!”, comemora o prefeito.

Após revitalização dos galpões, sob a curadoria do secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Fabrício Correia, o município apresenta a exposição permanente Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas e suas Memórias que ficará em cartaz de forma permanente no Centro Cultural.

Atualmente 40 veículos e diversos objetos compõem o acervo Roberto Lee. Em agosto deste ano, a Prefeitura de Caçapava, recebeu oficialmente a doação de Mariângela Lee do terreno e edificações que abrigaram o Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas.

Os dois dias de evento acontece no Centro Cultural localizado na Avenida Dr. José de Moura Resende, 475, Vera Cruz. Participe!

Mérito Cultural de Caçapava para o Designer José Maria Ramis Melquizo, ex-departamento de estilo da Willys e ganhador do concurso de design do automóvel Democrata.
Mérito Cultural de Caçapava para o Designer José Maria Ramis Melquizo, ex-departamento de estilo da Willys e ganhador do concurso de design do automóvel Democrata.

 

Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas Roberto Lee

Fundado em 1963 no município de São Paulo, com o nome Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas, formou-se a partir do acervo particular do empresário Roberto Eduardo Lee iniciado em 1949. Em seu auge na década de 70 o museu chegou a manter em sua coleção mais de 150 veículos, exibindo raros exemplares do automobilismo mundial. É considerado a primeira iniciativa do gênero na América Latina.

No ano de 1965 foi transferido para o município de Caçapava, em propriedade do empresário, a Fazenda Esperança, onde permaneceu aberto até 1993. A coleção de veículos e acessórios do Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas foi tombada pelo CONDEPHAAT – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico, órgão subordinado à Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, em 1982. Constam no processo de tombamento cerca de 97 veículos, acessórios e objetos. Após a morte de Roberto Lee, em 1975, diversos veículos cedidos em consignação ao museu foram retirados das instalações por seus proprietários.

Durante quase duas décadas o acervo permaneceu na propriedade sem a devida manutenção. Dedicada a memória do pai e ciente da importância do acervo para o antigomobilismo brasileiro, Mariângela Matarazzo Lee, doou ao município de Caçapava os veículos restantes do acervo em 2011.

Em 2016, em reverência ao acervo e a história do colecionismo de veículos antigos iniciada por Roberto Lee, o Governo Federal declarou o município de Caçapava como a Capital Nacional do Antigomobilismo.

Enviar Comentário

Deixe uma resposta