Posts in category

ARTIGOS


ICC do Automóvel Antigo de Juiz de Fora – Realizou sua 22ª Edição

Read More

NÃO HAVIA LUGAR MELHOR PARA TANTO VENENO

Read More

SALIDA ANUAL DEL CLUB DS en PROVENCE

Read More

El Raid Kiwi de Tractions Sans Frontières

Read More

Passeio de Veículos Antigos em Raposo 2019 – RJ – Cobertura

Read More

A palavra “supermoto” aplicada a motocicletas e descritivamente errônea, pois hoje implica apenas motocicletas de grande capacichde, que podem correr a velocidades particularmente altas, e foge ao uso original segundo o qual se pretendia descrever máquinas que (nos anos 70) tinham atingido um grau anteriormente nunca sonhado de sofisticação e excelência geral, independentemente de capacidade. …

0 68

 Stanley Woods, de Ulster, surpreendeu um mundo habitado ao sucesso das máquinas britânicas quando, pilotando uma Moto Guzzi em 1935, bateu as Nortons, dando o primeiro TT Sênio a uma máquina estrangeira desde a vitória da Indian em 1911. Na mesma semana, a equipe irlandesa-italiana  derrotou o predomínio da Rdge na categoria leve de 250 …

0 132

 No final de 1929, quase todo fabricante tinha sua máquina de grande capacidade de válvula elevada ou mesmo seu modelo de came elevado como produto principal, e a transmissão por corrente e os freios de expansão tinham-se tornado características permanentes. Os tanques planos foram rapidamente substituídos pelo tanque de selim de curvas mais suaves, embora …

0 107

 Estava próximo também o fim das Triples de estrada, cuja produção cessaria em seguida a greve branca de Meriden. A Gold Star de um cilindro, original de corrida de estrada, da BSA fora descontinuada diversos anos antes, sendo substituída durante um curto período pela Rocket Gold Star, uma híbrida formada pelo motor modificado de uma …

0 74

 Johnson apoiara entusiasticamente as provas de flat track e resistência com as Indians, não sendo nada de anormal que mantivesse a mesma política como o representante americano da Triumph, contratando até grandes pilotos americanos, como Bud Elkins e Ted Evans. Ironicamente, na Inglaterra Turner era contra a corrida. Como o lado americano operacional da Triumph …

0 61

A MV Agusta, que fora durante um longo período a segunda da Gilera e que se encontrava  também entre os signatários, reapareceu na temporada seguinte, para grande aborrecimento das outras fábricas, usurpando o lugar da Moto Guzzi e da Gilera. As MVs vermelho-fogo levavam a palavra “Particular” gravada na aerodinâmica, mas isto não enganava ninguém. …

0 87

Decorridos pouco mais de 55 anos da virada do século, muito menos que a extensão média da vida humana, a motocicleta evoluíra das carruagens-sem-cavalos aos solavancos a 5 km/h em estradas inexistentes, para motos de uso diário de 160 km/h, ou para motos de corrida de 320 km/h, em movimento por uma rede mundial de …

0 77

A versão modificada para corrida, conhecida como Brooklands Special, tinha esse nome porque a fábrica garantia que todo motor era testado e regulado na pista de corrida de Brookllands pelas as mãos de seu piloto de prova D.R. O’Donovan, percorrendo a distância de pelo menos um quilômetro a mais de 120 km/h e recebendo um …

0 104

Após a I Guerra Mundial as motocicletas continuaram externamente como antes, embora os pedais de bicicleta comum estivessem em vias de desaparecimento. A maioria era ainda de transmissão por correia, com freios inadequados de gancho do tipo de bicicleta, que já começavam a perder o controle sobre a velocidade daqueles monstros em crescimento. Internamente, contudo, …

0 83

Após frenéticas reuniões por trás dos bastidores, os adversários de Scott persuadiram a direção do esporte na Grã-Bretanha, a Autocycle Union, que o Jowett Scott era ilegal. Eles alegaram que , afinal de contas, se tratava de uma dois-tempos e como tal seu motor explodia a cada segundo tempo, o que, levando-se em conta que …

0 105